Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Na outra margem da memória

"I don't think we did go blind, I think we are blind, Blind but seeing, Blind people who can see, but do not see.” José Saramago, Blindness.

16
Jun17

Ninguém aguenta

Conforme fui crescendo acho que fui perdendo o meu amor pelo sol. Desenganem-se se pensam não gosto de sol, gosto sim, mas daquele sol de primavera e de outono, em que ainda podemos usar aquela camisola de mangas que gostamos ou aquele casaco com cheirinho de inverno. Quando chega o verão a sério e as temperaturas rondam os 40-46 graus durante dias seguidos o meu cérebro coze a vapor (literalmente) e os meus níveis de produtividade descem a pique... 

Sobrevivo a bebidas geladas e com umas gordices típicas da época. E por falar nisso consegui esquecer-me pela quinquagésima vez de sacos para fazer gelo quando fui hoje às compras, boa Alexis... 

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

"Começo a conhecer-me. Não existo. Sou o intervalo entre o que desejo ser e os outros me fizeram, ou metade desse intervalo, porque também há vida ... Sou isso, enfim ... Apague a luz, feche a porta e deixe de ter barulhos de chinelos no corredor. Fique eu no quarto só com o grande sossego de mim mesmo. É um universo barato. " Álvaro de Campos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

counter

Podes encontrar-me em:

Follow