Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Na outra margem da memória

"I don't think we did go blind, I think we are blind, Blind but seeing, Blind people who can see, but do not see.” José Saramago, Blindness.

22
Ago17

Almost adulting by Arden Rose

Não quantos de vocês por aqui conhecem a Arden Rose, uma youtuber americana, que eu gosto muito e comummente a muitos outros youtubers e bloggers também ela lançou um livro. Tendo eu em conta a personalidade que ela deixa passar através dos seus vídeos fiquei com a pulga atrás da orelha e acabei por encomendar o livro.

IMG_1961.JPG

 

Eu vejo a Arden como uma pessoa divertida e algo quirky (utilizando uma expressão dela!!) e que escrevendo um livro teria de ser exatamente como a sua personalidade. A verdade é que não me enganei, é um livro sobre a nossa “transformação” para adultos, o que é na verdade ser um adulto, como na verdade vamos tendo atitudes de adultos sem na verdade nos darmos conta e com a sua visão de alguns dos factos essenciais para nos mentalizarmos que na verdade já somos adultos à muito tempo mesmo sem nos apercebermos.

 

IMG_1995.JPG

 

Eu gostei muito do livro, ri-me imenso e consigo relacionar-me com imensas das situações em que ela fala no livro, em suma é divertido, tem ilustrações ao longo do livro e trata-se de uma boa leitura de verão!!

04
Ago17

"Anexos"

1984edit.jpg

 

Um dos outros livros que li  durante o último semestre foi como disse o “Anexos” da Rainbow Rowell. Eu já tinha lido o “Fangirl” da mesma autora, neste caso li-o em inglês e adorei. Na altura da compra estava um pouco reticente em relação ao facto deste livro estar em português (uma vez que nem sempre gosto das traduções que fazem para este tipo de livros…), mas como trazia um livro de oferta (O “paixões à solta”) acabei por aproveitar! 

O livro conta a história de Beth eJennifer, amigas e trabalham ambas na mesma empresa, trocam emails pessoais durante o trabalham mesmo sabendo que os seus emails são monitorizados por alguém que ninguém conhecia. Esse alguém é o Lincoln que é incapaz de resistir às histórias destas duas amigas, embora soubesse que não deveria continuar a ler os seus emails pessoais. Quando Lincoln se apercebe encontra-se apaixonado pela sua imagem de Beth, sem nunca a ter conhecido...

Eu na verdade não posso dizer que não tenha gostado do livro, porque até gostei, tinha momentos hilariantes, aquelas duas eram super divertidas, mas fiquei um pouco desiludida com o final uma vez que parece que foi tudo caído do céu. Acho que devia ter sido feita uma maior incidência na história do Lincoln e da Beth, uma vez que acabamos por gostar das personagens à medida que se vai lendo o livro. Em suma eu gostei, mas fiquei desiludida com o final, se eu fosse a autora conseguia arranjar ali mais umas 50 páginas (não precisava de mais), que daria um fim muito mais lógico e interessante ao livro, mas pronto é a minha opinião e vale o que vale (ou seja está ali entre o pouco e o nada!).

25
Jul17

Paixões à solta

Durante este último semestre consegui uma proeza que nunca eu tinha conseguido na minha existência, sim pessoal podem bater palmas (pronto, já chega!!).

Na verdade eu sempre me afirmei como alguém que gosta de ler, contudo era uma leitora só durante as férias, no início de cada semestre começava sempre um livro que continuava na mesinha de cabeceira à espera de ser lido até ao fim do semestre ou até ter algum tempinho livre. Este ano foi diferente, decidi pegar em livros fácil de ler, sem grandes prosas ou poesias, coisas rápidas, que fluem ao jeito de telenovela mexicana e que sei que muito provavelmente conseguiria arranjar nem que fossem uns quinze minutos antes de adormecer para ler umas páginas! Os primeiros livros que li foi o “Girl Online 2” sobre o qual já falei aqui no blog e “Um crime no expresso do oriente” de Agatha Christie.

O primeiro livro que vou falar aqui é o “Paixões à solta” de Jill Mansell, um para o qual não tinha expectativas nenhumas uma vez que vinha como oferta do livro “Anexos”, sobre o qual vou falar um dia aqui no blog!!

edit.jpg

O livro conta a história de Daisy, diretora de um hotel rural, cujo marido infiel morre num acidente de carro. Desconfiada de homens bonitos e charmosos conhece o famoso Dev Tyzack, sendo este o ponto de partida para este livro. Conhecemos melhor a história da Daisy bem como de alguns dos funcionários do hotel e é um livro divertido e que deixa um bichinho para o continuarmos a ler. Pelos comentários que li online acho que deve ser um livro de amor/ódio, mas por aquilo que me toca a mim não me desiludiu nada, muito antes pelo contrário!

Fácil, divertido e relaxantes tudo aquilo que se pede a um livro quando queremos é escapar do stress do dia-a-dia!!

Já alguém leu o livro ou alguma coisa da autora? O que recomendam?

13
Jul17

Livros e outras coisas

Estou sozinha em casa a estudar e vou continuar assim até ao dia exame, ou seja sábado. Em outras alturas do semestre eu não me importaria de estar aqui assim, mas agora o ano já vai longo e a vontade de voltar para a minha casa, casa, se é que me faço entender já é muita. Os meus livros chegam hoje e eu não poderia estar mais empolgada, comprei o "Almost adulting" também ele de uma youtuber que eu gosto muito, a Arden Rose.* Eu sei que vai ser divertido e e extremamente fácil de ler e vai ser ótimo para relaxar. Para além deste tenho ainda para ler dois livros de contos do E. Allan Poe, queria muito começar a ler Harry Potter em inglês (como uma amiga minha me disse no outro dia: é quase vergonhoso para alguém da minha geração nuca ter visto todos os filmes ou ter lidos os livros, eu nem os nomes das personagens sei todos...), queria também reler o Retrato de Dorian Gray  e acho que é isso. Ainda tenho mais alguns livros na estante para ler mas não sei se vou conseguir ver isto tudo em Agosto, por isso a minha meta é esta!!

E vocês o que andam a ler?

01
Mai17

Girl Online: On Tour

 

final.jpgUma das coisas que me fez na verdade voltar aos blogs do sapo foi este livro. Já tinha lido o primeiro livro da Zoe Sugg (que para quem não sabe é uma youtuber britânica) e gostei muito de vários aspetos, gostei especialmente do facto de ser tão fácil para o leitor de se relacionar com a personagem.

Penny é  um blogger, é adolescente e tem os problemas típicos de uma adolescente, para além dos seus  problemas de ansiedade  e dos ataques de pânico. A história em si é muito mais do que aquilo que eu acabei de descrever e para os mais interessados podem ver a sinopse aqui, contudo aquilo que me fez realmente ter vontade de ler o livro foi a vulnerabilidade que a personagem muitas das vezes tem e que me faz relacionar com ela!

Desta vez andava eu pelo site da Wook, que me tem salvado a pele no que toca à compra de livros nos últimos anos, quando vi a versão inglesa da sequela do Girl Online, como é óbvio acabei por comprar o livro. Li-o em apenas dois dias e tendo em conta que eu sou uma pessoa que demora muito a ler, dois dias para mim é quase digno de um recorde do Guiness! Desta vez comprei a versão inglesa e não me arrependi, era quase como estar a ouvir a voz da Zoe Sugg na minha cabeça à medida que ia lendo as várias passagens do livro, e todas aquelas expressões e maneirismos que traduzidos que em inglês têm a sua graça mas traduzidos para  português perdem a piada que tinham, e dão neste caso  um toque especial ao livro. 

A minha vontade neste momento é encomendar o terceiro livro, mas há que ter calma, não me posso esquecer dos trabalhos, dos relatórios e das frequências que tenho para fazer!!

Já alguém leu algum dos livros ou está interessada em ler? para os que leram o que acharam?

 

P.S. Se quiserem saber qual a minha opinião do primeiro livro podem lê-la aqui!

24
Ago16

the girl on the train

Olá meninas/os! O post de hoje vai ser sobre o último livro que eu li, o The girl on the train. Comprei o livro em inglês uma vez que já tinha lido alguns  trechos em português e pareceu-me de leitura fácil e rápida e não estava enganada! 

Assim muito resumidamente o livro conta-nos a história de uma rapariga, a Rachel que todos os dias ia no mesmo comboio para o emprego, observando os mesmos lugares, as mesmas casas e os mesmos casais. Era quase como que uma obsessão para ela olhar para um casal em especial, a quem ela chamava de  Jason e a Jess, observando o que faziam nas duas passagens diárias que ela fazia por casa delas bem como de cada canto da sua casa, até uma dia a Jess desaparece e Rachel vê-se envolvida no meio desta embrulhada toda. E isto é mais ou menos aquilo que aparece na maioria das sinopses que se encontram por ai, porém uma das coisas que eu acho que falta realçar é o facto de ser um livro escrito sob o ponto de vista de três mulheres, cada uma delas com problemas reais e com uma parte psicológica muito intensa. A intensidade psicológica de algumas personagens foi uma das coisas que mais me cativou para ler o livro e o tornou sem dúvida mais rico. Gostei e recomendo, é daqueles livros que se lêem muito bem, com uma história que quase durante todo o livro te motiva a ler mais e mais. 

A boa noticia para quem gostou do livro é que fizeram uma adaptação para o cinema que vai estrear no próximo mês de Outubro!! Para os interessados aqui fica o trailer do filme:

Entretanto comecei a ler o Enquanto Salazar dormia do Domingos Amaral e recomecei a minha leitura do Anna Karenina, que estava parada já há algum tempo, graças ao post que vi no blog Sweet Stuff sobre as booktubers favoritas dela. Vi alguns videos de cada uma delas e fiquei completamente viciada nos vídeos da Marina (Podem ver o canal do youtube dela aqui) que adorou o Anna Karenina e que tem gostos semelhantes aos meus.

E vocês, o que andam a ler?

 

14
Ago16

Little update

Ultimamente não tenho dado a este blog a atenção que ele merece, bem sei... Depois que comecei a trabalhar tenho como é óbvio menos tempo e ando sempre com vontade de dormir (ou melhor com mais vontade do que é costume!), para além disso  as festas da cidade também ocuparam muito do meu tempo e como tal as minhas vindas ao computador foram muito escassas, para nãao dizer nulas. Para aqueles que se possam perguntar o trabalho no restaurante está a correr bem, mas vai acabar em breve, uma vez que vou voltar a ser operada à perna, mas foi bom e deu para juntar algum dinheiro para as minhas coisas!!

Há umas semanas atrás eu publiquei este post em que dizia que não sabia bem que livros comprar e por ai fora, a história do costume... Acabei por fazer a encomenda já há algum tempo mas como também demorou a chegar só recebi os livros esta semana. Encomendei o "The girl on the train", em inglês (que estou a adorar btw e talvez faça um post sobre o livro) e comprei também o "Enquanto Salazar dormia..." do Domingos Amaral. Alguém já leu algum dos livros?

E pronto acho que as minhas (poucas) novidades ficam por aqui! Beijinhos e boa semana para todas/os!!

Mais sobre mim

foto do autor

"Começo a conhecer-me. Não existo. Sou o intervalo entre o que desejo ser e os outros me fizeram, ou metade desse intervalo, porque também há vida ... Sou isso, enfim ... Apague a luz, feche a porta e deixe de ter barulhos de chinelos no corredor. Fique eu no quarto só com o grande sossego de mim mesmo. É um universo barato. " Álvaro de Campos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

counter

Podes encontrar-me em:

Follow